Quando eu era pequenininha morria de medo das tempestades, corria para a cama do meu pai e da minha mãe a cada relâmpago e trovão! Quando cheguei ao ensino médio, aprendi que no meio daquela barulheira assustadora de uma tempestade algo muito bom está acontecendo…

Expedição Vida - Relâmpago

Um dos nutrientes mais importantes para os seres vivos é o nitrogênio. Os ácidos nucleicos (material que forma o nosso DNA) e as proteínas, por exemplo, utilizam nitrogênio em grande parte da sua composição! Como vocês já devem estar carecas de saber, todos os nutrientes entram na cadeia alimentar através das plantas, e as plantas pegam os nutrientes que precisam no solo! Só que a maior parte do nitrogênio existente no planeta não está no solo, e sim na atmosfera, onde ele está na forma molecular, ou seja, N2. As plantas não conseguem absorver o nitrogênio na forma molecular, então ele precisa ser transformado em compostos nitrogenados.

Fixação – é o nome que se da ao processo de transformação do N2 em compostos nitrogenados (compostos que tem nitrogênio, como a amônia).

 

A fixação pode acontecer de dois jeitos:

Um deles, o principal na verdade, acontece através de microorganismos, como, por exemplo, as bactérias do gênero Rhizobium, existentes nos nódulos das raízes de plantas leguminosas (feijão, soja, ervilha…). Essas bactérias vão transformar o N2 em amônia (NH3). Só que a amônia é pouco aproveitada pelos vegetais. Então, outras bactérias também vão participar do processo, de modo que consigam chegar ao composto nitrato, que é usado em larga escala pelas plantas! – As nitrossomonas vão transformar a amônia em nitrito e as nitrobacter vão transformar o nitrito finalmente em nitrato!

O segundo modo de fixar nitrogênio no solo é com a ajuda da energia fornecida pelos relâmpagos! Pois é, quem diria, os raios fixam nitrogênio! A descarga elétrica do relâmpago faz com que o N2 reaja com o oxigênio do ar, formando óxidos de nitrogênio. Estas moléculas, ainda usando a energia do relâmpago, são hidratadas com vapor d`água e viram nitrito. O nitrito maaais energia do raio e aí está o nosso nitrato!!! Processo sem nenhum microorganismo, só com a ajuda dos relâmpagos!

Então agora quando você ver um relâmpago lembre-se de pensar: “Opaaa, aí está o solo ganhando nitrogênio!!!” heheheheh

Deixe uma resposta

Newsletter

Curta nossa FanPage